Pular para o conteúdo principal

O mundo jaz no Maligno

Há muitos tipos de poder no mundo
Poder econômico, poder político
Poder do conhecimento, poder militar
Poder religioso, poder espiritual...


Através da corrupção desenfreada
De todos os poderes do mundo
O Maligno seduz e corrompe
Almas, corações e mentes
E transforma homens e mulheres
Em abutres, vermes e serpentes
Predadores frios e insaciáveis
Que espreitam, roubam
Humilham, destroem e matam
O coração, os sonhos e a esperança
Dos mais pobres, fracos e desamparados


Família, Estado ou Igreja, não importa
No pai que mata o filho, no filho que mata o pai
Na mãe que provoca a ira dos filhos
Nos filhos que provocam a vergonha dos pais
No político que rouba o Estado
No policial que abusa da força
No marido que violenta a esposa
No homem que bate em mulher
No adulto que espanca crianças
No pastor que manipula as ovelhas
Nas ovelhas que viram bodes
Nas guerras e nos rumores de guerra
Não importa, onde existe corrupção de poder
E manipulação de uma pessoa ou das massas
Pela propaganda ou pelo abuso de poder
O diabo está sempre por perto, rindo
Roubando, matando e destruindo...


No amor ao dinheiro e na paixão pelo poder
Maldade de maldades, tudo é maldade
Com efeito, a sedução e a busca de poder
Cega os olhos, ensoberbece a alma
Corrompe o coração dos homens
Apodrece o coração dos filhos
E destrói a alma dos pais
E faz do mundo todo
Um lugar perigoso e desagradável
Para sonhar, realizar e viver


Todo mundo já viu esse filme
Dentro e fora de nossa alma
Ele se repete desde o começo do mundo
Onde existe poder, existe abuso de poder
E onde existe abuso de poder
Como um incêndio incontrolável
Que tudo mata, destrói e arrasa
O diabo avança, vence e conquista


Olhe ao redor e veja
Escute os gemidos
E os lamentos
Dos oprimidos


Até as maiores distâncias
Que os olhos conseguem ver
Os ricos seguem cada vez mais ricos
E os pobres seguem cada vez mais pobres
Nas ruas e nos becos das nossas cidades
Uma guerra está em andamento
E ela não é lutada com armas espirituais
Mas com armas que matam a carne e derramam sangue
Dentro e fora de nossas casas, dentro e fora de nossa alma
Como denunciou o profeta Oséias: 


Só se veem maldição, mentira e assassinatos, roubo e mais roubo, adultério mais adultério; ultrapassam todos os limites! E o derramamento de sangue é constante. Por causa disso a terra pranteia, e todos os seus habitantes desfalecem; os animais do campo, as aves do céu e os peixes do mar estão morrendo. 


Roubo, fome, dor
Destruição e morte
O mundo dos homens
É um lugar cheio
De abuso de poder
Entre os ricos e poderosos
Não existe quem se condoa
Da sina amarga dos oprimidos
Não há quem estenda a mão
Todos têm fome de poder
Mas ninguém tem fome de justiça


Os ricos nos seus palácios
Exploram e desprezam os pobres
E os pobres nos seus casebres
Amaldiçoam a vida dos ricos
E assim, sem cessar
Sem parar para descansar
Caminha a humanidade
Juntos, ricos e pobres, se arrastam
Na direção do mesmo abismo
De separação, ódio e desigualdade


Nos cumes do poder
Onde o diabo reina
Morre a fé, esfria o amor
E adoece a esperança


Nos cumes do poder, entre os donos do poder
Não há amizades nem fidelidade entre os homens
Todos são lobos e cobras devorando cobras


Os donos do poder não negam
Coisa alguma a si mesmos
Tudo que os seus olhos desejam
Eles tomam, pegam e dizem: É meu.


Sim, o mundo jaz no Maligno
E o Maligno manipula o poder
E usa os poderosos do mundo


Em si mesmo - dizem
O poder não é uma coisa má
Todavia, a regra que permanece
E vigora desde o começo dos tempos
Aponta e avisa: Onde existe poder
O Maligno inspira abuso de poder


O Maligno inspira, motiva
E usa os poderes do mundo
Usa a política e usa as religiões
Usa o púlpito e usa os palanques


Sim, o mundo dos homens se funda
Em palanques e púlpitos
E funciona e se mantem de pé
A partir de mentiras ditas e cristalizadas
No seio de hierarquias de poderes perversos
Onde a mentira é anunciada como se fosse verdade
E a exploração se cristaliza como se fosse bondade
E toda corrupção, mentira, abuso e injustiça
Que vem desses poderes e instituições
Vem de inspirações do Maligno


Sim, os donos do poder existem
Em sociedade com o Maligno
São irmão de corrupção
E parceiros da mentira
E sócios na maldade


Todas as coisas e instituições humanas
Estão sujeitas à ação do demônio
Não existe coisa ou poder humano
Que não desperte o interesse do diabo
Onde existe possibilidade de corrupção
Roubo, mentira, exploração e morte
O diabo tem interesse em ser sócio majoritário


Quem tem o poder, tem o controle
E o diabo é obcecado pela ideia
De controlar todas as coisas e almas
O Estado é uma forma de poder
A igreja é também um tipo de poder
O diabo tem grande interesse
Nesses dois tipos de poder


O seu desejo permanente é se sentar
Para sempre no coração desses poderes
E não é sem motivo, ou por acaso
Que desde o começo do mundo
Poder político e poder espiritual
Andam enamorados um pelo outro
Os antigos profetas só faziam
Denunciar a união maligna
Entre sacerdotes e reis
Por isso, foram banidos
Presos, torturados, mortos
Serrado ao meio e desprezados


Sim, é verdade, tanto no mundo antigo
Quando nos labirintos sombrios
Do nosso mundo atual
É mais muito fácil
E muito mais lucrativo
Ser um falso profeta
Ou um falso pastor


A verdade nua e crua
É que quanto mais
Nos aproximamos
Do fim de todas as coisas
Mais surge diante de nós
A cara desses falsos profetas
Que fazem de tudo
Por dinheiro e um pedacinho de poder?
Para justificar esse hediondo casamento
Entre o santo e o profano, entre a luz e as trevas


Em nossos dias, diante dos nossos olhos
Na TV, todo dia, dia e noite
Entre a igreja e o Estado
Desnecessário dizer
Que existem exceções
Entre as trevas e a luz
Há muito mais do que
Cinquenta tons de cinza


O tempo todo, pactos e casamentos impuros
Sob o olhar de mil legiões de demônios
São realizados na escuridão da noite
E a festa é por conta de Satanás
Sim, o mundo jaz no Maligno


Com efeito, entre os donos do poder, é como diz o antigo salmo 53: - Desviaram-se todos, e juntamente se fizeram imundos; não há quem faça o bem, não, nem sequer um.
- - -
_VBMello

Postagens mais visitadas deste blog

Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; não vo-la dou como o mundo a dá.

Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; não vo-la dou como o mundo a dá. Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize. [João 14:27]

O problema com a paz que o mundo dá É que ela não tem consistência É uma paz, por assim dizer Construída sobre a areia Uma paz sem garantia Contra tempestades Uma paz que perder a validade - e a vitalidade Quando a terra das nossas esperanças Vacila, treme e o vento sopra com força E o mar da vida, sem avisar, se ergue violentamente Fazendo naufragar o frágil barquinho de todos os nossos sonhos


Num mundo onde tempestades sempre acontecem Depositar a nossa esperança na incerta paz do mundo Onde nada é garantindo, onde tudo muda num instante E nem sempre para melhor... É só olhar ao redor É o mesmo que iniciar-se na arte de andar na corda bamba


De nada nos vale uma paz de faz de conta Queremos mais do que aparências de paz Necessitamos de uma paz que triunfe contra a dor Necessitamos de uma paz que preencha todos os vazios da alma Necessitamos de uma paz que triunfe até mesmo c…

Coração denunciador

A boca fala do que está cheio o coração. [Mateus 12:34]


Falar é o mais espiritual dos atos humanos Nossas palavras nos julgam e nos condenam A nudez da alma, a maldade e a bondade A apatia espiritual e a dureza do coração Tudo se manifesta nas palavras que a boca fala
Estamos condenados a falar e prestar conta
De tudo aquilo que encanta
Seduz e enche o nosso coração


Sim, para o bem e para o mal Pessoa alguma consegue escapar
Daquilo que ela é no coração

As palavras são filhas dos conteúdos do coração Assim, onde há ódio no coração, o que sai da boca É fogo destruidor, cheio de veneno e peçonha Onde a frieza congelou o coração, o que sai da boca é frieza Onde a indiferença matou a compaixão É indiferença e descaso que sai da boca Onde o desejo de vingança matou o desejo sadio de justiça A boca não se contém, perde o controle, grita e se vinga Como quem morde, esfaqueia e esquarteja com palavra Onde o desprezo secou o tutano da alma É desprezo que vaza da boca, como lama de um pântano Onde há amargura, é de…

Olhos para ver e ouvidos para ouvir

Cego e surdo. Eis o que fui
Na maior parte da minha vida Todavia, quando eu menos esperava Sem mesmo saber que era cego e surdo Ele – Cristo - veio e me tocou... Haja luz! Ele disse


Os meus olhos se abriram O caos cessou, a escuridão debandou Uma nova dimensão se mostrou Ensinou-me o exercício de calar Ensinou-me o caminho do silêncio Mostrou-me a arte de ouvir E sussurrou fé ao meu coração


Agora, como uma criança Que olha um céu estrelado E se embala ao som das ondas do mar Tudo que eu vejo / me encanta Tudo que eu escuto / me inspira


O Espírito me socorreu
Rompeu a dureza do meu coração
Fez florescer um jardim
Onde tudo era deserto


Aprendi a me ajoelhar Aprendi a orar Aprendi a confiar Aprendi a perdoar Súbito, como num milagre Descobri-me em paz e livre Na presença do Pai Celeste Sinto-me eleito de Deus


A fraqueza já não me aniquila Tornou-se para o meu espírito Um manancial de esperança e força


E até nas mínimas coisas Eu vislumbro grandes alegrias Em tudo que se mostra aos meus olhos Eu vejo a altura, a largura …

Não são as palavras que curam... É quem fala.

Não são as palavras que curam É quem fala com amor e compaixão É quem fica ao lado É quem estende a mão É quem ajuda e quer bem Sem fazer propaganda E sem pedir nada em troca

As palavras de Jesus eram diferentes Das palavras dos mestres da lei

Elas tinham autoridade Elas não eram cansativas  Aos ouvidos de ninguém

Elas maravilhavam quem ouvia Elas não ameaçavam Elas encantavam Porque eram vivas Transbordantes de vida e amor Cheias de fé e esperança

As Palavras de Jesus Simplesmente criavam raízes No coração das pessoas

O fraco se sentia forte O derrotado da vida Recuperava a esperança  E era milagrosamente Invadido por uma nova fé Sonhos antigos retornavam E o milagre se espalhava Porque as palavras de Jesus Não eram faladas em vão
Não eram promessas vazias
Eram verdades que cumpriam
Tudo que prometiam

Assim, ao som de suas palavras Cegos enxergavam Mudos falavam Paralíticos andavam

Não apenas um pedaço de você... Deus quer você inteiro

Deus quer você inteiro
Mesmo que você esteja quebrado
Deus quer você livre do pecado Mesmo que você esteja afundado nele
Deus que você pleno Mesmo que você esteja aos pedaços
Deus não é Deus de metades
Não é Deus de pedaços e restos Deus é Deus de tudo
Ele não lida com pedaços de vida Não é Deus de áreas da vida Ele lida com a vida inteira
Lida com o todo e lida com a parte
Lida com tudo, sem deixa coisa alguma de fora
Sim, Deus não aceita coração dividido Ele não negocia nem faz barganhas
Se você ama qualquer coisa Dinheiro ou pessoa Mais do que ama a ele Não o verá Por mais que o busque Por mais que ore Por mais que grite Por mais que implore É coração inteiro Ou nada
Ele não quer curar apenas o seu corpo Quer curar sua alma, seu espírito Seu coração, sua mente Quer te curar inteiro Suas emoções, sua razão Seus sonhos e seus desejos Não somente essa ou aquela Área especifica, mas tudo O que você é por dentro E o que você é por fora O que você é hoje E o que você deseja ser amanhã O seu passado, o seu presente e o seu…

Setenta vezes sete

Às vezes o caminho do perdão é longo – demasiadamente longo. 
Exige sacrifício do Ego e respeito pela dor do outro. 
Não acontece da noite para o dia. 
É preciso tentar e insistir na paz, na restauração da confiança e na reconciliação da afeição, não apenas sete vezes. 
Mas sim, setenta vezes sete...
_VBMello

Orgulho – nem tudo é o que parece

Sem pensar muito, de uma maneira quase cruel Bem preconceituosa e sem o Espírito de Deus Eu, sabe-se lá por qual motivo inconsciente "Sempre entendi” - e esse é um entendimento Tosco e malignamente superficial Que toda pessoa orgulhosa No fim das contas, deveria Necessariamente Como dois mais dois são quatro Ser uma pessoa má e sem Deus Afinal, é pessoa orgulhosa E o orgulho é uma coisa maligna

Mas hoje, pela graça de Deus O Espírito rasgou o meu coração Lançou fora as minhas "verdades" E me deu outro modo de compreender e discernir De modo, que eu, olhando primeiro para mim mesmo Vendo o meu próprio pecado e cegueira E discernindo o meu próprio coração endurecido Finalmente, não sem muita vergonha e humilhação Compreendi o quanto eu era realmente tolo Por acreditar, pensar e agir assim

Claro que há por toda parte Pessoas que são as duas coisas: Orgulhosas e más

Essas, Deus derruba. Deu um modo ou de outro, num tempo ou noutro De repente, sempre de repente, Deus surge na frente delas e as derrub…

O poder da oração

A nossa capacidade de amar
E a nossa capacidade de perdoar A nossa esperança e a nossa fé A nossa alegria e a nossa paz Tudo se fortalece e se conserva Através da oração contínua


Dia após dia, todo dia, sem cessar Tudo cessa, tudo esfria e tudo morre Quando esfria e cessa o espírito de oração


É a oração que acende o fogo interior É ela que nos faz acordar e levantar Sem perder o entusiasmo da vida


É pela oração constante Que mantemos a fé  Diante das perseguições De um mundo cruel e arrogante


É pelo espírito de oração Que conservamos a paz interior No meio de um mundo insano Cheio de guerras e rumores de guerra


É pela simplicidade da oração Que manejamos a espada da justiça E lutamos contra principados Potestades, poderes das trevas E hostes espirituais da maldade Nos lugares celestiais


Pela oração, aramos o chão do coração Pela meditação das Escritura Semeamos no coração As sementes do Reino de Deus Pelo testemunho oportuno Irrigamos as sementes Finalmente, Deus dá o crescimento Da fé, da esperança e do amor E nos…

Vençam o mal com o bem

Não se deixem vencer pelo mal, mas vençam o mal com o bem. [Rm 12:21]














Uma pessoa que vive entre inimigos Se crê e tem temor de Deus Quando cair, não deve esperar Que alguém lhe estenda a mão Nem deve implorar por isso
Deve ser forte e corajosa Deve se levantar sozinha Ou morrer tentando Deve crer em Deus E esperar com paciência A salvação do Senhor
Acima de tudo, não deve cair na tentação De querer mal aos seus inimigos Não deve desejar vingança
Não é por meio da vingança Que Deus nos dá a vitória desejada Contra os nossos inimigos Mas sim, através do perdão Da compaixão e do amor
Qualquer vitória sobre o inimigo Que não for vitória do amor contra o ódio Não tem valor, espiritualmente falando Não é vitória... É derrota. _VBMello








Seja luz do mundo... Seja sal da terra.

Em tudo dai graças; porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco. [1 Tessalonicenses 5:18]

*** Todo dia, comece e termine o seu dia Considerando o grande amor de Deus Sob a luz da Palavra viva de Deus Que é apta para discernir Pensamentos e intenções do coração Examine-se a si mesmo Deixe o Espírito te sondar Aceite as suas admoestações Alegre-se nas suas correções

Não se entregue a fraquezas espirituais
Busque ânimo e força em Deus Debaixo da Palavra, dia após dia Cresça na fé e na esperança Pelo alimento diário da Palavra Aviva em ti o dom da fé Torne-se espontaneamente Apto para toda boa obra

Olhe para você com justiça e sinceridade Não e superestime... Não fuja da verdade Considere a sua vida e reconheça que sem Deus