16 de julho de 2017

Celebridades gospel













Reconhecimentos, fama e poder
O caminho de uma pessoa de fé
Se verdadeiro e honesto
Suave e sem alardes
Deve passar bem longe
Da busca dessas coisas
Deve mesmo, no que depender dela
Evitar e rejeitar a sedução e a tentação 
De todas essas coisas


A pessoa de fé, se sincera
Humilde e em paz com Deus
Deve apenas – e tão somente
Viver de modo digno do evangelho


Deve correr o mundo
Se necessário for
Mas não deve deixar
O mundo correr nela
Deve brilhar e dar sabor
Mas com um tipo de luz
Diferente das luzes do mundo
Não deve jamais brilhar
Com as mesmas luzes do mundo
Que são trevas e vaidade


Simples, humilde e discreta
Deve deixar apenas o evangelho falar
Deve exercer influência espiritual
De modo natural e espontâneo
Sem técnicas de escrita ou persuasão
Deve falar do modo mais simples possível
Sem tentar encantar a alma de ninguém
E sem se aproveitar – como muitos fazem
De qualquer tipo de manipulação
Para ser o centro das atenções


Deve falar mais do evangelho
E falar menos de si
Mas se gosta de testemunhar
Então, que testemunhe contra si
Não existe nada mais medíocre
Do que uma celebridade gospel
Cheia de bravatas espirituais para contar
Na verdade, existe sim, os seguidores
E imitadores dessas celebridades...


A verdade é qualquer pessoa
Sinceramente interessada
Nas coisas do Reino de Deus
Logo perde o interesse em fama
Poder, riqueza ou reconhecimento
Ela passa longe das mega-igrejas
Ou olha para elas, quando topa com uma
Apenas como uma curiosidade
Quase uma aberração espiritual
Onde as pessoas se reúnem
Mais em busca de diversão
Do que para a verdadeira adoração


No coração, onde a vida se resolve 
Somente entre ela e o Espírito de Deus
Ela prefere sempre a comunhão de um grupo simples
Um pequeno rebanho, sempre sinceramente reunido
Em o nome de Jesus, e isso é o bastante


De imediato, como uma luz
Que brilha na escuridão
O verdadeiro encontro com Deus
Gera em nós, uma profunda e definitiva
Convicção de que somos seres pecadores
E absurdamente carentes da graça de Deus
Não gera desejo de riqueza, fama ou poder
Gera uma urgência de compartilhar o que tem


A pessoa que foi tocada por Deus
É uma pessoa quebrantada
Sempre pronta para o arrependimento
E disposta para o perdão e para a compaixão
Discreta e avessa ao exibicionismo espiritual


Sim, a pessoa de fé, se verdadeira
É aquela que entende
Que missão mais importante
Que alguém pode ter na vida
É fazer Cristo aparecer
Até ela diminuir, sumir
E desaparecer completamente


Bem-aventurado é aquele que pode confessar como Paulo: Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne, vivo-a pela fé do Filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim. [Gl2:20]


Reconhecimentos, fama e poder
Toda pessoa que nasceu de novo
Sabe que essas coisas – em qualquer grau
Pertencem somente a Deus
A ele pertence a honra, a glória e o poder
E nós não estamos no mundo para ficarmos ricos
Famosos ou virarmos celebridade gospel
Estamos no mundo para adorar a Deus
Para conhecê-lo e fazê-lo conhecido
E não para adorar a nós mesmos
Menos ainda, para sermos adorados


Uma decadência muito profunda
Algum tipo de demônio interior
Que é pura maldade e vaidade
Acompanha a alma de uma pessoa
Que usurpa para si – em qualquer grau
A glória do nome e dos feitos de Deus


A glória de uma pessoa de fé
É saber - no fundo do coração
Só para si e sem alarde
Que ela está sendo sincera
Em sua caminhada de fé


E esse é o único testemunho que interessa para Deus
O testemunho sincero da própria consciência


Na falta desse testemunho fundamental
Mesmo que haja abundância de aplausos e elogios
Todo homem, se sincero, deve duvidar de si mesmo
Deve colocar em dúvida, não apenas a motivação
Dos seus sonhos, pensamentos palavras e obras


Mas, acima de tudo, deve colocar em dúvida
As intenções do seu próprio coração
E até a sua vocação, ou a vocação que pensa ter
E em seguida, senão ao mesmo tempo
Deve ter a grandeza e a decência
De curvar-se diante de Deus
E se arrepender sinceramente
De sua vida infantil, medíocre
Superficial e vaidosa
E confessar sem demora: Ó Deus
Tem misericórdia de mim, pecador!
_VBMello